quarta-feira, 2 de março de 2011

A Dança Cigana

*
Quem nunca nos viu dançando, não tem noção da magia contida em nossa dança.
Através de nossa dança , agradecemos a Deus por tudo e todos que nos rodeiam.
A dança é nossa oração que nos faz ser embalados por essa força gigantesca que move esse universo.
É quando na magia que nos envolve podemos mostrar nosso ser e quem somos, nossos sentimentos, sonhos, a sabedoria de acordo com nossa jornada e o quanto ainda temos que caminhar para que possamos alcançar uma comunhão sagrada com a Mãe Terra e todos que habitam sobre ela.
Sou Filha do Vento, sou de um todo, sou do Universo.
Sou cigana, minha dança é minha alegria, assim como o sangue corre em minhas veias,a dança é o vento que me embala, que me conduz, que faz de mim parte de você.
Venha comigo, feche os olhos e sinta a magia lhe envolver, feche os olhos, sinta seu coração pulsar, sinta o despertar, sinta os acordes da canção que lhe chama.
Respire fundo,venha e se entregue para o vento.
Que os violinos toquem uma canção.
A cigana irá dançar ao vento.
*
A DANÇA
Somos um povo alegre, cheio de energia e grande dose de passionalidade. 
A dança e a música fazem parte de nossas almas,  “nascem” com cada de nós e correm nossas veias como nosso sangue. 
Nunca dançamos por obrigação, mas pelo puro prazer.
*
OBJETIVOS DA DANÇA
As danças são atividades físicas e, em geral, trazem benefícios ao corpo.
 Pode se perder calorias em excesso, melhorar a postura corporal, aumentar a capacidade respiratória, desenvolver e tonificar a musculatura. 
Porém, a dança cigana em particular, além de trabalhar esses aspectos, busca integrar a mente ao corpo para que este se torne ainda mais saudável e equilibrado.
*
INFLUÊNCIAS E VARIAÇÕES DE ESTILO NA DANÇA CIGANA
Os movimentos observados na dança cigana são resultantes da sua influência indiana, onde o girar das mãos, a inclinação da cabeça e a postura ereta chamam atenção. 
Além disso, as características assimiladas em diferentes regiões do mundo por onde os ciganos passaram levam a uma divisão por estilos, que segue o mesmo padrão dos clãs.
Dentre os mais “populares” vemos o Kalón, cuja musicalidade se assemelha ao flamenco e à rumba e é oriundo da Europa Ocidental.
*
DANÇA CIGANA FEMININA ESTILO ROM (romanê)
Nesta dança os movimentos são baseados da cintura para cima, meneios de ombros, inclinação da cabeça, giro de punhos e mãos, postura ereta, braços à frente do corpo ou acima da cabeça e movimentos que completem sempre círculos (para os ciganos a vida é um ciclo).
E sempre será um ciclo.
*
INSTRUMENTOS
Na dança cigana podem ser usados diversos instrumentos.
 Isto vai depender do tipo de música, país de origem (clã) e principalmente, da intenção da dança, que pode ter caráter ritualístico ou não.
Os objetos mais usados pelo clã Rom são:
Cesto;
Tacho;
Véu;
Lenço;
Flores;
Pandeiro;
Punhais;
Cada objeto desta lista representa uma energia da natureza e uma mensagem a ser passada. 
Além disso, os ciganos contam com outros instrumentos fundamentais em suas danças que são a alegria, o sorriso no rosto e principalmente o olhar. 
Este nasce da alma e é contagiante, inconfundível.
Todos podem e tem capacidade de aprender esta arte, nunca é tarde, adultos ou crianças.
 O importante é fazer da Dança Cigana a maneira mais sublime de se conhecer e interagir com o mundo ao redor.
*
Dançar com o lenço:
Dança com echarpe ou lenço:
Representa união, casamento e amor.
O lenço também é utilizado para a prova da virgindade.
O lenço é encantador seguro delicadamente nos dedos da cigana, envolvendo-a de mistério e aos poucos revelando sua beleza e poder.
Ao dançar com o lenço, seus desejos, sentimentos e sonhos são movidos pelo deslizar do lenço pelo ar, no transe da música, livre como o vento e infinito como o céu.
O lenço também transforma e limpa o ambiente, pode representar pedidos ou coisas da vida que queremos mudar ao dançar.
 É uma das danças ciganas femininas mais belas, por isso pode ser encontrada de várias formas nas danças de todos os grupos ciganos.
Também neste caso podem ser utilizados lenços decorados com moedas douradas ou fitilhos, dando um ar de prosperidade aos movimentos executados.
*

Dança com o véu:
 Representa o elemento ar e expressa a leveza do corpo e a sensualidade , estão relacionados aos animais, às plantas, aos símbolos da mitologia egípcia e aos quatro elementos da natureza.
 Portanto, podemos relacionar o véu com o elemento ar (com os ventos que sopram do deserto).
 Pode-se dançar com um único véu, com dois ou até nove véus.
Dançar com o leque:
Dança do elemento ar que representa o amor, a sensualidade e a limpeza, representa sedução, romantismo e poder.
O leque passeia há séculos nas mãos das mulheres, mas seu uso prático pouco tem a ver com os aspectos valorizados pela cigana ao dançar.
Da maneira que se abre pode representar as fases da lua e da mulher, seus reais desejos ou apenas o que quiser demonstrar; é um poderoso instrumento de limpeza energética, magia para a cura e sedução.
Sendo assim, está constantemente nas mãos espertas de uma cigana, atraindo a atenção para seu mistério e poder.
O leque é mais característico nas danças “kalóns”, mas pelo seu encanto as mulheres que gostam, usam-no sempre que podem na sua dança.
*
Dançar com o Pandeiro:
Dança dos quatro elementos, denota a alegria e sugere uma festa.
 Serve também para purificar o ambiente.
 O pandeiro traz a alegria do sol, saudando-o com inúmeras fitas coloridas, representando seus raios protetores e vivos.
Como todo instrumento que faz barulho, ele tem como função expulsar os maus espíritos ou energias negativas, abrindo caminho para o povo festejar.
Sua mensagem é mover, transformar o que está parado em ritmo, revigorar o nosso corpo com a alegria e o calor da dança, assim como o sol faz conosco.
O uso das fitas, pode ter nascido como um calendário para marcar eventos importantes e a idade; para saudar a chegada da primavera; para representar através das cores das fitas pedidos ou bênçãos.
É mais utilizado nas danças do grupo Rom, acompanhando violinos e outras percussões, é preciso habilidade e conhecimento dos ritmos utilizados.
*

Dança da Rosa
*
Elemento terra.
Representa o amor, a beleza, a conquista, sedução e a sensualidade.
 A rosa é a beleza interior e a beleza exterior.
A rosa vermelha na boca que os ciganos costumam levar em suas danças – presa entre os dentes – levam para presentear a mulher que está envolvida na dança.
 As alianças para os ciganos são simbolizadas por duas rosas vermelhas, em seus casamentos.
*
*
 Dança das fitas coloridas:
Elemento água representa as lágrimas de alegria e tristeza derrubadas pelo povo Cigano.
Não o lamento, mas também a comemoração.
 Representa a limpeza, alegria e infantilidade.
Dançar com fitas é quase uma brincadeira de criança, alegra qualquer tipo de ambiente, festeja os nascimentos e casamentos, os movimentos das fitas rodopiantes manifestam o ritmo da vida e a alegria de fazer parte dela.
As fitas são mais utilizadas nos ritmos “rons”, porém conforme o que se quer passar a dança se adéqua a qualquer ritmo alegre.
*
*
Dança das tochas:
Mostra a fúria e o poder do fogo através das tochas acesas que reverenciam este elemento.
Representa a purificação e a limpeza pelo fogo.
 Neste caso específico, pode também ser utilizado um candelabro pela dançarina.
*

*
Dança dos sete véus:
Para os ciganos essa dança representa uma despedida de solteiro.
E os véus coloridos representam as sete cores do arco-íris, simbolizando o amor e a sensualidade.
 As cores dos véus representam os quatro elementos.
*

*
Dança do punhal:
Elementos ar e terra.
 Significa lutas, disputas, fúria e pode simbolizar a limpeza do ambiente e do corpo.
 Representa o corte, a força e a limpeza.
*

*
Dança dos quatro elementos:
Feita com representações dos quatro elementos como:
Vela, incenso, jarro d’água e sal. Significa magia e limpeza do ambiente.
Normalmente é dançada contando com 04 dançarinas.
 As vestes lembram os nômades do deserto.
*

*
Dança da Espada:
Elemento ar e terra.
 Representa luta, guerreira, batalhadora.
 Usa-se movimentos semelhantes aos movimentos do punhal.
*

*
Dança do xale:
representa o mistério e a magia do elemento fogo.
Dançar com o xale representa agradecer todas as dádivas ao criador, a sua força, o poder de ser mãe, o poder de seduzir o seu amor e também proteção e família.
 É usar toda poesia, força e magia.
Nunca deixe outra pessoa pegar o xale, não derrubar, pois ele é a sua essência feminina.
Enfim, dançar com o xale é agradecer, exibir e proteger suas estrelas.
*

*
Para facilitar a interação Terra/Céu, dançam descalços.
O que se pode verificar, porém, é que a cigana, embora tenha movimentos aparentemente sensuais,ela é pudica, e jamais veremos além de seus tornozelos nos seus rodopios e meneios.
Para evitar acidentes durante o bailado e coreografias,as ciganas usam sobre-saias até em número de sete.
Daí, ciganas estereotipadas como as das novelas e filmes nada têm a ver com a realidade.
Na dança, o cigano procura desenvolver uma relação telúrica,conectar-se com a natureza e deixar fluir para a superfície física do ser,todos os sentimentos mais íntimos.
Assim, nota-se perfeitamente o sinal de êxtase de uma cigana ao rodopiar e fazer seus movimentos gentis, ao sacudir seu pandeiro ou ao som do atrito das castanholas.
Para os ciganos, dançar é celebrar a vida e se ligar a Deus.
*

8 comentários:

  1. Não imaginava que a dança cigana tivesse tantas vertentes. Sim, que tivesse várias funções, mas não lhe conhecia a peculiar riqueza!
    A dança do lenço, hein?! Nossa!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Muito legal amiga a matéria, vivendo e aprendendo e esta dança realmente é muito sensual e desperta as atenções masculinas inclusive a minha kakaka
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  3. Olá Ebrael!
    Seja bem vindo ao meu novo espaço!
    tem sim amigo,a dança cigana é muito mais que uma dança é um clamar ao Criador,é mais que magia e sedução,é agradecimento a tudo que nos é ofertado...
    Obrigado por sua presença,volte sempre!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  4. Olá querido Príncipe!
    Que bom que você gostou amigo,realmente a dança Cigana para quem não conhece a princípio,pensa que é mais uma dança só sensual,mas tem mais segredos contidos nela que se possa imaginar...
    Despertou que bom amigo,kkkkkk!
    Seja bem vindo ao meu novo espaço!!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  5. Olá amiga Claudia,que post. fantástico sempre gostei das danças ciganas, não imaginava que era tão diversificada assim e o colorido das roupas também é muito forte lindo, atrai.
    Lindo post.
    Beijo

    ResponderExcluir
  6. Olá querida Fatima!
    Amiga é um prazer receber você aqui no meu novo cantinho,pois é amiga se você não morasse tão longe te convidaria para uma festa que haverá agora no mês de Abril,é sim amiga todos os movimentos tem uma representação.
    Posso lhe dizer que é maravilhoso.
    Sim amiga,o colorido se você notou também tem todo um significado,mas fica para um próximo post,kkkk!
    Seja sempre muito bem vinda!!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  7. Olá Alma Cigana!

    É bom quando o conhecimento desperta em nós e a necessidade ativa todo o percurso que seguem os caminhos que aos poucos nos traz entendimento a cada instante vivido! Muito bom se envolver com os sons e o movimento, pois é tudo que há em nosso mundo e é assim que se faz nosso universo! Movimento, desenvolvimento, permissão, clareza, conquistas, habilidades, passividade, introspecção, fluidez, sagacidade, aprendizado, tudo está em nós e a cada momento tudo desperta para o nosso bem, e para clareza em nossos pensamentos, conduzindo sempre nossa mente ao caminho que abre espaços e tudo o que é necessário a nossa evolução! Boa sorte com o novo blog e que tudo sempre abra o conhecimento tão essencial a cada instante vivido!

    Um abraço,
    "Todo o Conhecimento é Luz que Inspira a Alma" -*Vera Luz*-

    ResponderExcluir
  8. Olá Linda Vera Luz!
    Você sempre com essa sensibilidade sutil,é minha amiga do coração,temos que trazer esse movimento que nos conduz a uma realidade já vista e vivida,mas com novas canções que sempre fizeram parte de meu viver,das minha raízes,o se encantar de mais lindo que a natureza nos proporciona através de suas lições sutis e enérgicas.
    Sabe é o movimento que o ar nos conduz aos caminhos de sempre querer evoluir a cada passo,a cada fechar de olhos e se conduzir na dança do ar,viajei aqui,kkkk!
    Obrigado meu Anjo multi-colorido,seja sempre muito bem vinda no meu cantinho e no meu coração.
    Bjos em seu coração com cheirinho de Jasmin.

    ResponderExcluir

Seja Bem Vindo Filhos do Vento,deixe seu comentário envolvido numa aura de pura alegria.
Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...